Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Hospital e Maternidade Alagoa Grande PB

Encontre os hospitais e maternidades de Alagoa Grande. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Adelle Bezerra Nunes
(85) 7533-4185
R Montivideo 720 - Sl 203Centro Medico San Pietro
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Deborah Rose Galvao Dantas
(83) 3322-3441
R Joao Tavares 668
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Domiciano Silva da Silveira
(83) 3321-4857
Av Presidente Epitacio Pessoa 256
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Hospital Pedro I
(83) 3341-3082
Fernandes Vieira, 0 - José Pinheiro
Campina Grande, Paraíba

Dados Divulgados por
Hospital Antônio Targino
(83) 3341-1063
r Delmiro Gouveia, 442 CENTENÁRIO
Campina Grande, Paraíba

Dados Divulgados por
Neide Maria Cantalice Agra
(83) 3322-6054
Rua Vidal de Negreiros 164 - 1º Andar
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Arnobio de Araujo
(83) 3322-1443
Av Rio Branco 394
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Hospital Campina Grande
(83) 3341-2773
r 13 Maio, 393 Centro
Campina Grande, Paraíba

Dados Divulgados por
Clipsi Hospital Geral
(83) 2102-3100
r Treze de Maio, 366 Centro
Campina Grande, Paraíba

Dados Divulgados por
Hospital Regional de Urgência e Emergência
(83) 3310-9200
av Mal Floriano Peixoto, 1045 São José
Campina Grande, Paraíba

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Hospital e Maternidade

Fornecido por: 

Na década de 50, as mulheres se casavam muito cedo, pelos padrões de hoje. Tinham seus filhos entre 18 e 25 anos, e aos 40 anos, a mulher já era avó. Há vinte anos atrás ainda eram raras as mulheres que engravidavam depois dos 30.

Nessa época, ter filhos depois dos 35 significava risco de vida: para a mãe e o bebê.  O IBGE revela que o número de mães com mais de 40 anos no Brasil cresceu 27%, entre 1991 e 2000. As que tiveram um filho, pela primeira vez, com idade entre 40 e 49 anos, fazem parte de um segmento populacional com alta escolaridade.

Há 30 anos, a taxa de fecundidade no Brasil era três vezes maior que a atual. O censo de 1970 constatou a média de 5,8 filhos para cada mulher e esse número diminuiu para os 2,2 filhos por mulher atualmente. Até 2050, a taxa de fertilidade no Brasil cairá para 1,8.

Fonte: Clínica Genesis

 ...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb