Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Hospital de Olhos Iranduba AM

Esta página disponibiliza matérias interessantes sobre visão e uma lista de empresas e profissionais liberais na cidade de Iranduba. Encontre abaixo empresas e profissionais liberais da região de Iranduba que oferecem diversos produtos e serviços e ainda esclareça suas dúvidas sobre visão.

Roberval Tavares da Silva
923-2323
Av Sete de Setembro 1251 - Sala 206 Ed. Antonio Simoes
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Maria Cristina Silvestrim
923-2360
R Paraiba Qd e Casa 04 - Cj Abilio Nery
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Roberval Tavares da Silva
923-2323
Av Sete de Setembro 1251 - Sala 206 Ed. Antonio Simoes
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Salustino Liberato da Silva
(92) 3633-1775
Rua Ferreira Pena 601
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Maria Cristina Silvestrim
923-2360
R Paraiba Qd e Casa 04 - Cj Abilio Nery
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Salustino Liberato da Silva
(92) 3633-1775
Rua Ferreira Pena 601
Manaus, Amazonas
Especialidade
Oftalmologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

É possível treinar o cérebro para enxergar melhor

Fornecido por: 

Autoria: Da Redação   
17 de maio de 2011
 
A oftalmologia tem avançado expressivamente nos últimos tempos, e uma das principais conquistas é treinar o cérebro para enxergar melhor.

Segundo os pesquisadores, não há restrições nem em termos de idade, nem de condição física. Basta ter acesso a um computador e disciplina para realizar as sessões de acordo com as recomendações do oftalmologista.

"Perto dos 40 anos, a pessoa começa a sentir mais dificuldade para enxergar letras pequenas e médias, ler com pouca luz, ou mesmo para realizar tarefas rotineiras, como fazer a barba ou a maquiagem. Agora a presbiopia pode ser controlada com os exercícios do programa RevitalVision", diz o oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo.

Segundo o médico, o processo de neuroadaptação ensina o cérebro a enxergar melhor sem a necessidade de uma cirurgia, sem o uso de óculos e medicamentos e sem quaisquer riscos ou efeitos colaterais. "Como qualquer outro treinamento, basta que o paciente se disponha a realizar duas ou três sessões por semana, de cerca de 20 minutos cada uma. Em média, 20 sessões são suficientes para enxergar melhor. Nos casos de ambliopia, é necessário um esforço dobrado: 40 sessões de 40 minutos cada".

O treinamento pode ser realizado em casa, com o auxílio do computador e o monitoramento de um profissional habilitado. Durante as sessões, a pessoa é submetida a d...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb