Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Espasticidade Alagoa Grande PB

"Saiba quais são as causas da espasticidade. Confira também detalhes sobre o tratamento dessa disfunção. ""O que mais incomoda o paciente, além da dor, é a incapacidade de realizar tarefas simples, como se alimentar, caminhar, dormir e cuidar da higiene pessoal. Consulte a lista de especialistas da área, em Alagoa Grande.

Antonio Roberto Vaz Ribeiro
(83) 3321-6926
R Coronel Jose Andre 96
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Luciano Ferreira de Holanda
(83) 3322-3777
Expedicionarios do Brasil 57
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Neurocirurgia

Dados Divulgados por
Wellington Torres de Andrade
(83) 3343-1705
R Duque de Caxias 603 - Sl. 206
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Neurocirurgia

Dados Divulgados por
Alexandre Barros Goncalves da Silva
833-2415
R Clarice Justa 50
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Neurocirurgia

Dados Divulgados por
Paulo Virgolino da Nobrega
(83) 3221-2723
R Santo Elias 164
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Tales da Costa Gondim
(83) 3322-8659
R Dom Pedro Ii 668
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Maria das Gracas Loureiro das Chagas
833-3224
R Duque de Caxias 523 - Sl. 706Edf. San Rafael
Campina Grande, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Josenilton Carlos Henriques
Avenida Almirante Barroso 528
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Fernanda Rodrigues dos Reis
(83) 3221-7170
Av Dom Pedro Ii 853
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Neurologia

Dados Divulgados por
Maurus Marques A. Holanda
833-2228
R Borja Peregrino 191
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Neurocirurgia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Espasticidade

Fornecido por: 

Estudo coordenado pela Associação Espanhola de Paralisia Cerebral e apresentado recentemente no congresso da ISMST (International Society of Medical Shockwave Therapy), em Juan Les Pins (França), demonstrou a eficácia do tratamento por ondas de choque em pacientes portadores de espasticidade.



Trata-se de uma desordem motora relacionada ao sistema nervoso central que provoca espasmos incapacitantes. De acordo com o Ministério da Saúde, a hiperatividade muscular que a espasticidade impõe afeta milhões de pessoas no mundo todo e geralmente está relacionada a traumatismos crânio-encefálicos, acidente vascular cerebral (AVC), paralisia cerebral e doenças degenerativas da medula, entre outros. Quando não tratada, a disfunção causa contraturas, rigidez, luxações, e até deformidades. Mas, o que mais incomoda o paciente – além da dor – é a incapacidade de realizar tarefas simples, como se alimentar, caminhar, dormir e cuidar da higiene pessoal.

Apesar de não haver cura definitiva da lesão, o objetivo dos tratamentos que vêm sendo apresentados é diminuir a incapacidade do doente, inserindo-o num programa de reabilitação. Depois de alguns estudos que avaliaram a eficiência do uso da toxina botulínica (Botox), a novidade agora é o tratamento por ondas de choque. Segundo os cientistas espanhóis, todos os pacientes entre 34 e 48 anos apresentaram redução imediata...


    
Continue sua leitura em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb