Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Embalagens Plásticas Macapá, Amapá

Encontre onde comprar embalagem plástica em Macapá. Conheça os profissionais desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Companhia da Arte Ltda
(96) 3224-1308
r Hamilton Silva, 916, Jesus de Nazaré
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
C. F. Gonçalves
(96) 3223-1274
av Cora de Carvalho,Profa, 370, Ap 101, Central
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
M. S. T Carvalho
(96) 3242-1358
av Treze de Setembro, 1603, Buritizal
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
L. H. & N. B Ltda - Me
(96) 3217-8257
av Classicismo, 467, Renascer
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
AMAFLAM - Amapá Flâmulas Ltda ME
(96) 3222-1847
av Antônio Coelho Carvalho, 239, Central
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
J W Bezerra Pacheco Comércio e Representações
(96) 3224-2923
av Osório,Gal, 395, Laguinho
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Paper Shop Ltda
(96) 3222-3115
av Júlio Maria Lombaerd,Pe, 594, Lj, Central
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Araújo & Sousa Ltda - Me
(96) 3222-0071
r Rondon,Gal, 839, Laguinho
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
P. Silva da Silva - Me
(96) 3241-3218
r Odilardo Silva, 2884, Beirol
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Everson Marcon - Me
(96) 3243-0539
av Antônio Lisboa Pinheiro, 391, Jd Marco Zero
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Embalagens Plásticas

Fornecido por: 

O plástico foi desenvolvido a partir dos anos 30 e continua sendo uma das grandes conquistas do homem. Com o crescimento da população mundial e o descarte irresponsável no meio ambiente, o plástico passou a ganhar status de vilão.

O resultado são toneladas diárias de lixo, que são despejadas em terrenos impróprios, sem contar o que acaba nos rios e matas, gerando sérios problemas para o meio ambiente e para a população. Mas essa história não deveria ser assim, afinal o plástico é um material fantástico e indispensável no nosso dia-a-dia. Os plásticos que hoje são abandonados, sem jamais serem coletados e reciclados, causam danos como morte de animais por ingestão e sufocamento, entupimento dos sistemas de drenagem urbanos etc. Mais de 50% dos resíduos encontrados nas praias são plásticos e mais de 60% dos resíduos encontrados nos oceanos são constituídos de plásticos. Agora, eles se tornaram alvo das críticas dos ambientalistas e ONGs.

Do ponto de vista do produto, os plásticos, em especial as embalagens, são materiais com inúmeras vantagens para o consumo e superam outros materiais como o papel, o vidro e o metal. Eles são recicláveis, podem ser fabricados a partir de materiais reciclados e são reutilizáveis. São mais leves, resistentes, impermeáveis, possuem características de proteção para o produto embalado, consomem menos energia e água em sua produção, ocupam menos espaço nos estoques e no transporte e, por serem mais leves, precisam de menos caminhões para transporte, o que significa menos queima de combustíveis e menos veículos nas ruas e estradas. Porém , as mesmas características positivas de resistência   o torna um material de difícil e lenta degradação. Por conta disso, e, principalmente, devido à ação do homem - que não descarta corretamente as embalagens - e ao plástico não ser economicamente interessante para a reciclagem, ele tem sido banido de muitos países, mas a culpa não é do plástico.

A ciência e os institutos de pesquisa têm estudado e desenvolvido plásticos menos agressivos ao meio ambiente. Em parceria com universidades e cientistas, especialistas de diversos setores buscam soluções para que o plástico não se transforme em um produto nocivo ao ecossistema. Para tanto, já existem muitas tecnologias que são utilizadas em todo mundo.   Entre as soluções desenvolvidas pela ciência estão os plásticos biodegradáveis e compostáveis, tais como PLA, PHAs e PHBs. Existem também os plásticos derivados do amido de milho, onde a grande maioria tem em sua composição o amido e o poliéster, por isso são chamados de híbridos. Outro tipo utiliza um aditivo chamado d2w. No caso do d2w, trata-se da introdução de 1% de um aditivo durante o processo de produção das embalagens plásticas convencionais. As embalagens d2w são produzidas com as mesmas matérias-primas, máquinas e processos convencionais.

Possuem ...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb