Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Consultório de psicologia infantil João Pessoa, Paraíba

Encontre os consultórios de psicologia infantil de João Pessoa. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Anelise Cordula Psicóloga Clínica
(83) 3227-0530
av Gal Edson Ramalho, 100 s 402, Manaíra
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica Interser Especializada no Ser Humano
(83) 3222-6620
av D Pedro II, 712, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Climepsi Clínica Médica Psicológica
(83) 3226-3095
av Pres Epitácio Pessoa, 4161 sl 7
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
CAMP-Centro de Atendimento Médico e Psicológico
(83) 3239-3209
r Manoel Rosa Silva, 33, Mangabeira
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica Psicológica Ana Maria Gonçalves da Silva Cordula
(83) 3247-4221
av Gal Edson Ramalho, 100 s 401
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica de Terapias
(83) 3224-7742
r Maria Caetano F Lima, 185
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Centro de Atendimento em Psicologia Hospitalar
(83) 3224-5967
av Pres Epitácio Pessoa, 2020, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Consultório de Psicologia Belminda Vinagre Filha
(83) 9332-5886
av Epitácio Pessoa, 753 Sl. 614
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Michelle Valois Sarmento
(83) 8801-3256
av Rui Barbosa, 173
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
CLIPSI-Clínica Psicologia
(83) 3222-4816
r Índio Piragibe, 43 s 1, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Consultório de psicologia infantil

Fornecido por: 

Os pais geralmente são considerados o espelho dos filhos, pois as crianças refletem tudo o que os pais aprenderam durante sua vida. A cultura, a maneira de agir e até mesmo os detalhes mais simples podem ser observados nos filhos.

As crianças aprendem sempre com as pessoas de seu convívio e fixam-se, principalmente, nos pais para moldar formas de comportamento. Seus órgãos dos sentidos captam facilmente e eles fazem o que vêm, falam o que escutam, presenciam o relacionamento entre os pais, e assim, dão o que recebem. Quando tratada carinhosamente, a criança se relaciona melhor com os colegas e principalmente com os familiares, inclusive com os próprios pais. Já quando a criança sofre agressão em casa, pode-se observar um comportamento agressivo na escola e principalmente com as pessoas desconhecidasDesde a gestação as crianças podem sentir-se amadas ou rejeitadas, portanto, é importante que a criança antes mesmo de nascer já ouça palavras de afeto e carinho.

Toda criança transmite aquilo que aprende e vê ao seu redor. O ambiente familiar influencia em quase 100% das suas atitudes e características, por isso, é muito importante que a criança cresça sabendo a diferença entre respeito e medo, educação e carinho, para que, ao ser repreendida quando cometer algo errado, saiba entender que uma bronca, nem sempre, é algo ruim e que ela é amada mesmo quando sofre um...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb