Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Consultório de Pneumologia Aparecida de Goiânia, Goiás

Esta página disponibiliza matérias interessantes sobre pneumologia e uma lista de empresas e profissionais liberais na cidade de Aparecida de Goiânia. Encontre abaixo empresas e profissionais liberais da região de Aparecida de Goiânia que oferecem diversos produtos e serviços e ainda esclareça suas dúvidas sobre pneumologia.

Joao Mendonca Filho
(62) 3212-4577
R 1335 - Hosp Sao Lucas
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Roberto Helou Rassi
(62) 3212-7131
R 7 Sl 530 - Cen com Elias Rassi
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Clelsa Maria B Antunes de Souza
(62) 3281-6484
Al Cel Joaquim Bastos 48 - Lapaci
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Vania Maria Caldeira Garcia
(62) 3264-9218
R da Concordia 6 - Hosp Sta Genoveva
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Sillas Theodoro da Silva
(62) 3212-4181
Av 45 - Policlinica Goiania
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Elina Pires Oliveira
(62) 3572-9000
R 8 - Sl 9 377 Hosp Santa Maria
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Luiz Alberto Costa
(62) 3236-9300
Al Leopoldo de Bulhoes (062) 5413631 - (062) 99734783
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Cesar Jose Taveira
(62) 3254-4000
R Campinas 135 - Sta Casa Misericord
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Maria Rosedalia de Moraes
(62) 3229-1926
R 0017 - a 1248
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Fernanda Miranda de Oliveira
(62) 3219-9090
R 5 - 99 Hosp Santa Helena
Goiania, Goiás
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Baixa umidade do ar no inverno

Fornecido por: 

Autoria: Da Redação   
13 de julho de 2011
 

Muito comum nesta época do ano, a baixa umidade do ar pode desencadear uma série de complicações respiratórias e agravar doenças já existentes.

Para a dra. Valeria Cristina Vigar, secretária-geral da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT), devemos ficar em estado de atenção quando a umidade relativa do ar estiver abaixo de 30%, e em estado de alerta quando estiver menor que 20%. Com menos de 12% o estado é de emergência. "Quanto menor for a umidade do ar, mais cuidados devem ser tomados para evitar complicações alérgicas e respiratórias. As principais consequências são o ressecamento das vias aéreas, que leva a doenças como rinite, rinossinusite, inflamação da mucosa que reveste a cavidade nasal, descompensação de asma e DPOC."

Embora haja registros de baixa umidade do ar em muitos Estados brasileiros, as regiões sudeste e centro-oeste enfrentam têm seus problemas agravados pela falta de chuva e aumento no nível de poluição no ar. "Independentemente da região, os principais grupos de risco são os portadores de doenças respiratórias crônicas". Para estas pessoas, a dra. Valéria pede atenção redobrada, aconselhando-os a seguir orientação médica e manter rigorosamente o tratamento indicado pelo médico.

...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb