Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Clinicas de Oncologia Sinop, Mato Grosso

Encontre as clínicas de oncologia de Sinop. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região,aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Diogenes Garrio Carvaho
(66) 3426-5085
Papoulas 444 - Bl1 Casa 7
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Eliane Solange de Souza Pires
(65) 3617-1688
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Clínica Médica Mady Ltda
(65) 3625-1491
r Manoel Ramos Lino, 223, Coophamil
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Dr. Luiz Augusto Pereira Inez de Almeida
(65) 9938-4456
Rua Marechal Floriano Peixoto, N° 49, Centro
Cuiabá, Mato Grosso
Especialidade
Alergia e imunologia clínica, Acupuntura e Clínica Médica

Dr. Hélio Cerávolo
(66) 3421-7826
Rua Rui Barbosa, 2014
Rondonópolis, Mato Grosso
Especialidade
DERMATOLOGISTA

Naíra Domingos Sé
(65) 3322-2504
Rua Rua dos Líriosº 525
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Audimet Auditoria em Saúde e Medicina do Trabalho
(65) 3321-8725
r Des José Mesquita, 303 Araés
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
CLINICA MOQUEGUA
0051942938882
AVENIDA IQUITOS 1395
BRASIL, Mato Grosso
Especialidade
FISIOTERAPIA

Anedson Aires
(65) 3642-2210
Rua Esmeralda, 675, Bosque da Saúde
Cuiabá, Mato Grosso
Especialidade
Medicina e Estética

Centro de Hematologia e Hemoterapia de MT
(65) 3621-6667
Rua Maria do Carmo Rego,23
Cuiabá, Mato Grosso
Especialidade
hematologia e hemoterapia

Dados Divulgados por

Clinicas de Oncologia

Fornecido por: 

Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos EUA, anunciaram a descoberta de uma forma de usar nanopartículas de ouro para melhorar o uso de medicamentos contra doenças como câncer.

Segundo os pesquisadores, o sistema permite a liberação de uma quantidade determinada da droga em partes específicas do corpo durante intervalos controlados. As nanopartículas, que carregariam os remédios, se dissolvem quando expostas a diferentes níveis de luz infravermelha, por isso poderiam liberar as substâncias no corpo de forma controlada.

As vantagens desse sistema seria que os remédios poderiam ser aplicados diretamente nos tumores, o que aumentaria sua eficácia e evitaria os efeitos colaterais de terapias convencionais, como a quimioterapia. Porém, o trabalho ainda está em fase inicial e a tecnologia ainda não está pronta para testes em humanos.

 ...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb