Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Clinicas de Oncologia Itaporanga d'Ajuda SE

Encontre as clínicas de oncologia de Itaporanga d'Ajuda. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região,aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Celi Marques Santos
(79) 3213-0807
R Construtor Joao Alves 198
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Jose Augusto Soares Barreto Filho
(79) 3213-7555
Av Goncalo Prado Rolemberg 211 - Sala 202
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Amalia Moreira Fernandes
(79) 3214-4662
R Santa Luzia 575 - Sala 01
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Menilson Menezes
(79) 3216-1480
Rua Frei Paulo 331
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Maria Licia de Souza Visnienski
(79) 3246-4873
Rua Guilhermino Rezende 423
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Analises Laboratorio Clinico Ltda
(79) 3241-4097
Rua Bahia 1134
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Carlos Henrique da Paixao Morais
(79) 2107-6464
Av Goncalo Rolemberg Leite 1490 - 4º Andar
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Cynthia Figueiredo Leite
(79) 3213-0807
R Construtor Joao Alves 198
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Maria Jose Machado
(79) 3214-0680
Rua Monsenhor Silveira 342
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Almiro Alves de Oliva Sobrinho
(79) 3214-0819
R Construtor Joao Alves 198
Aracaju, Sergipe
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clinicas de Oncologia

Fornecido por: 

Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos EUA, anunciaram a descoberta de uma forma de usar nanopartículas de ouro para melhorar o uso de medicamentos contra doenças como câncer.

Segundo os pesquisadores, o sistema permite a liberação de uma quantidade determinada da droga em partes específicas do corpo durante intervalos controlados. As nanopartículas, que carregariam os remédios, se dissolvem quando expostas a diferentes níveis de luz infravermelha, por isso poderiam liberar as substâncias no corpo de forma controlada.

As vantagens desse sistema seria que os remédios poderiam ser aplicados diretamente nos tumores, o que aumentaria sua eficácia e evitaria os efeitos colaterais de terapias convencionais, como a quimioterapia. Porém, o trabalho ainda está em fase inicial e a tecnologia ainda não está pronta para testes em humanos.

 ...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb