Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Clínica da mulher Rondonópolis, Mato Grosso

Encontre as clínicas da mulher de Rondonópolis. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Diogenes Garrio Carvaho
(66) 3426-5085
Papoulas 444 - Bl1 Casa 7
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Angelita Akemi Nakamuta
(66) 3423-2429
Av. João Ponce de Arruda 1857
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Marlon Teixeira Campos
Av Marechal Dutra 1495
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Pedro Henrique Araujo Paduan
(66) 3532-1348
Rua das Amendoeiras 2731 - Sala 04
Sinop, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Marco Aurelio Silva Ribeiro
(65) 3642-3570
Rua Bosque da Saude 208
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Valdir Faria de Moraes
Av Rui Barbosa 2227
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Soares de Souza
Av. Joao Ponce de Arruda 2186
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Lucas Bello
Av Rub. de Mendonca 898 - Amecor
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Marlon Teixeira Campos
Av Marechal Dutra 1495
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Valdir Faria de Moraes
Av Rui Barbosa 2227
Rondonopolis, Mato Grosso
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica da mulher

Fornecido por: 

Ansiedade, dor muscular, dor de cabeça, tontura, depressão, inchaço, ganho de peso, irritabilidade, mamas doloridas, hostilidade, instabilidade emocional, choro fácil, ondas de calor, esquecimento, insônia, pânico, fadiga, gases, desejo alimentar alterado, queda de motivação...

Esses são apenas alguns dos 150 sintomas listados que a mulher pode sentir durante a tensão pré-menstrual (TPM), síndrome que se manifesta de quatorze a dois dias antes da menstruação e desaparece com a chegada do fluxo. "Não bastassem as alterações físicas e emocionais, há as comportamentais, como confusão, indecisão e tendência a ficar estabanada. Os sintomas variam de uma pessoa para outra e podem ser diferentes no mês seguinte. Hoje, felizmente, é consenso entre os profissionais de saúde que os sintomas se referem a uma síndrome, que atinge o sexo feminino de forma diferente e merece atenção", explica o geriatra Eduardo Gomes, especialista em terapia ortomolecular, diretor da rede de Clínicas Anna Aslan. De acordo com Eduardo Gomes, hoje, para tratar a TPM, existem muitas opções terapêuticas.

"De acordo com o estilo de vida e as condições de saúde de cada paciente, podemos definir a melhor opção terapêutica para cada mulher. Muitas vezes, a acupuntura auxilia a paciente a enfrentar este período. Em outros casos, podemos prescrever uma suplementação vitamínica - vitamina A, B6 ou E,...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb