Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Centro de reabilitação Bayeux, Paraíba

Encontre os centros de reabilitação de Bayeux. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Anelise Cordula Psicóloga Clínica
(83) 3227-0530
av Gal Edson Ramalho, 100 s 402, Manaíra
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
CLIPSI-Clínica Psicologia
(83) 3222-4816
r Índio Piragibe, 43 s 1, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Michelle Valois Sarmento
(83) 8801-3256
av Rui Barbosa, 173
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica Interser Especializada no Ser Humano
(83) 3222-6620
av D Pedro II, 712, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
CAMP-Centro de Atendimento Médico e Psicológico
(83) 3239-3209
r Manoel Rosa Silva, 33, Mangabeira
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Consultório de Psicologia Belminda Vinagre Filha
(83) 9332-5886
av Epitácio Pessoa, 753 Sl. 614
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Climepsi Clínica Médica Psicológica
(83) 3226-3095
av Pres Epitácio Pessoa, 4161 sl 7
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Centro de Atendimento em Psicologia Hospitalar
(83) 3224-5967
av Pres Epitácio Pessoa, 2020, Centro
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica de Terapias
(83) 3224-7742
r Maria Caetano F Lima, 185
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Clínica Psicológica Ana Maria Gonçalves da Silva Cordula
(83) 3247-4221
av Gal Edson Ramalho, 100 s 401
João Pessoa, Paraíba

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Centro de reabilitação

Fornecido por: 

Pesquisa do CISA mostra que quem bebe na adolescência tende a continuar bebendo na idade adulta.

De acordo com pesquisa realizada pelo CISA - Centro de Informações Sobre Saúde e Álcool, quem bebe pesado na juventude tende a continuar a beber dessa forma no início da idade adulta. Além de manter esse hábito pernicioso, o adulto sofre as conseqüências negativas desse hábito, como a lesão do tecido hepático e o aumento do risco de desenvolver a cirrose.

Beber pesado seria o consumo binge de álcool, ou seja, cinco ou mais doses alcoólicas por homens ou quatro ou mais doses por mulheres dentro do período de duas horas. Os autores da pesquisa indicam que beber em padrão binge está associado a importantes danos ao tecido hepático, podendo ser considerado um fator preditor e de risco de desenvolvimento de padrões nocivos de consumo e das doenças associadas, entre elas a cirrose hepática. Fica o alerta para a importância de medidas preventivas ao abuso de álcool.

Fonte: Planin Worldcom

 ...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb