Quer ser nosso colaborador? Envie seu texto e fotos para nosso e-mail.

Cardiologista Fortaleza, Ceará

Esta página disponibiliza matérias interessantes sobre cardiologia e uma lista de empresas e profissionais liberais na cidade de Fortaleza. Encontre abaixo empresas e profissionais liberais da região de Fortaleza que oferecem diversos produtos e serviços e ainda esclareça suas dúvidas sobre cardiologia.

Raimundo Nonato Bastos Araujo
3264-0449
Av Santos Dumont 3131
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Ricardo Pereira Silva
3458-1672
Av Santos Dumont 5633
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Raimundo Helio Cirino Bessa
3261-1152
R Tiburcio Cavalcante 2484
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Tulio Celio Fonteles Pinheiro
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Pedro Jose Negreiros de Andrade
3261-4043
R Tiburcio Cavalcante 1891
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Valeria Diogenes C C Parahyba
3244-2938
R Doutor Jose Lourenco 437
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Regina Coeli M de Carvalho
3087-7219
Av Dom Luis 500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Rui Fernandes de Sousa
3458-1391
Av Dom Luis 500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Romulo Ronkaly G Lima
3486-6077
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Ricardo de Lima Saraiva Leao
3272-6802
R Tiburcio Cavalcante 2855
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Cardiologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Derrame: a maior causa de morte no Brasil

Fornecido por: 

Autoria: Da Redação   
11 de julho de 2011
 

O acidente vascular cerebral (AVC), popularmente conhecido como derrame, é a doença que mais mata no Brasil e é a principal causa de incapacitação no mundo, por conta das sequelas que pode deixar.

Dentre os principais fatores de risco para o AVC estão a hipertensão, o diabetes e a fibrilação  atrial (FA), a arritmia cardíaca mais comum, que aumenta em cinco vezes as chances de sofrer um derrame. No mundo, anualmente, três milhões de pessoas sofrem AVC em consequência da fibrilação atrial. A doença acomete 1,5 milhão de brasileiros. Ela faz com que o coração bata em um ritmo irregular, fora do padrão habitual. Os sintomas mais comuns são palpitações, tontura, falta de ar e dor no peito.

O derrame é a principal complicação desta arritmia, que acontece por causa da formação de coágulos no coração que, ao se desprenderem, chegam até o cérebro. De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Neurologia (SBN), no País, a cada cinco minutos uma pessoa é vítima de AVC, o que contabiliza cerca de 100 mil mortes ao ano em decorrência da doença. Vale ressaltar que a cada seis derrames, um ocorre em pacientes com fibrilação atrial e 75% das vítimas de AVC por fibrilação atrial ficam severamente dependentes.

...

Clique aqui para ler este artigo em O Debate

Copyright © 2013 Todos os direitos reservados.
UaiWeb